Deixe o zika pra lá!

IMG_4968Caia sem medo na folia e não deixe que a dengue e seus aliados invadam o seu carnaval.

“Sai Zica que eu tô forte. Tu vai precisar de muito azar pra ganhar a minha sorte” é a frase inicial da música “Sai Zica”, da banda de hip hop Viralataz, que escolhemos para fazer alusão ao vilão mais comentado na atualidade em terras tupiniquins. O aedes aegypti é uma ameaça tão crescente que virou letra de música, ganhou inserções permanentes nos noticiários da TV e demais canais de comunicação on e offline. A falta de controle tomou proporções tão grandes que levou o exército brasileiro para as ruas e até o Tio Sam vem tentando interferir sobre a epidemia. Diante disso, como cair na folia sem preocupar?

O carnaval é a época mais aguardada por milhares de foliões e com a aglomeração de pessoas pode aumentar ainda mais os riscos de doenças transmitidas pelo mosquito aedes aegypti. Para a Sociedade Brasileira de Infectologia a combinação de deslocamento de turistas por diversas regiões do país, em especial para o nordeste, região de maior proliferação do zika vírus, o acúmulo de lixo, calor excessivo e a umidade do ar fazem do carnaval o momento propício para a proliferação do mosquito. Isto sem levar em conta o fato de que muitos foliões preferem alugar casas de veraneio, que normalmente ficam fechadas por longos períodos do ano.

Existem alguns cuidados essenciais para os foliões que pretendem viajar pelo Brasil e principalmente para aqueles que irão alugar alguma casa, apartamento ou qualquer tipo de dormitório no período: a primeira coisa é verificar se existe foco de aedes aegypti em pneus, vasos de plantas, telhados, caixas d´água, lixo reciclável, cisternas, piscinas, banheiras, ofurôs, entre outros. Antes de se instalar, todo local deve receber uma boa vistoria. No entanto, liberar somente o acúmulo de água parada não é o suficiente para acabar com as larvas do mosquito; é preciso fazer uma limpeza correta com água e sabão.

Ainda assim, sabemos que nem todo folião está disposto a perder algumas horas do seu feriado com cuidados que deveriam ter sido feito por outros. E mesmo para os que estão dispostos é preciso proteção específica para se precaver daqueles que não fizeram a sua parte.

E ao citarmos cuidados específicos poderíamos apresentar diversos tipos de repelentes que há no mercado, mas elegemos o Out Inset Kids, da Bombril, pois a embalagem foi criada pela Opend, agência especializada em design de embalagens. Trata-se de um produto não oleoso, de rápida absorção e com o diferencial de ter a sua matéria-prima extraída da uma planta de origem indiana, muito eficaz contra os insetos. Vale lembrar que o repelente é a única precaução contra o mosquito que só depende de você.

A #opend atende a BomBril desde 2011, que conta com mais de 20 marcas de produtos, com atuação da agência em todas elas.

OutInset_Kids_zikavirus_opend

Sendo assim, cuide-se e não deixe que a dengue e seus aliados invadam seu carnaval! Cuidados com o local de onde irá se hospedar e repelente não fazem mal a ninguém, além de contribuir para um carnaval perfeito. No mais, use camisinha, se beber não dirija e não se esqueça do mais novo jargão de carnaval: “use repelente diariamente!”. E que a dengue, a chikungunya e a zika só apareçam em forma de fantasia na sua folia.

Para saber mais acesse os sites oficiais:

www.zika.org.brwww.dengue.org.brwww.infectologia.org.br

 

opend [estratégia e design] sob medida para você!

Autor: opend [estratégia e design] sob medida para você!

opend é uma agência que faz branding [estratégia e design] sob medida para você! Sim, somos pequenos; e, sim, entregamos como os grandes. Para nós, empresas são indivíduos, nosso trato é humano e nosso atendimento é um relacionamento.

Deixe uma resposta