7 lições dos atletas paralímpicos para a sua carreira

Quando o atleta Ricardo Oliveira conquistou o primeiro ouro para o Brasil na Paralimpiada, uma coisa nos deixou muito impressionados, a expressão de liberdade transmitida pelo seu corpo ao soltar em alta velocidade e totalmente sem visão para ser o melhor do mundo na sua categoria.

O voo de Ricardo Oliveira para a conquista do ouro
O voo de Ricardo Oliveira para a conquista do ouro

Foi como o seu corpo, por aquele instante, não tivesse nenhuma limitação! Uma verdadeira aula de superação e força de vontade, que devemos levar para o nosso cotidiano.

 

É preciso se perguntar, a cada novo dia, como esses superatletas em condições físicas que poderiam ser bem inferiores as nossas, conseguem chegar tão longe?

Fizemos um apanhado de alguns pontos cruciais da rotina desses atletas paralímpicos para aplicarmos no nosso dia a dia profissional. Se conseguirmos alcançar parte disso, certamente já teríamos resultados surpreendentes em nossa carreira.

  1. Dedicação e treino

Independente da sua condição física, intelectual e emocional treinar com dedicação, constância e de forma programada sempre será fundamental para alcançar bons resultados. Quando nos referimos ao treino estamos sugerindo estudo, atualização, etc.

Treinamentos dedicados podem nos trazer melhorias continuas e superações.

Não se deixe estagnar, não importa aonde quer chegar, o treinamento é a única forma de nos tirar caixinha e nos proporcionar avanços em todos os caminhos da vida. A cada limitação, aperfeiçoe-se, treine, treine e treine. Isso o manterá motivado e com vontade de querer mais.

Faça tudo com dedicação, imagine os jogos de basquete Paralímpicos, em que são realizados sobre cadeira de rodas? Para vencer as limitações da falta de movimentos nas pernas, os atletas desenvolveram habilidades surpreendentes com os braços e mãos. E pode ter certeza de que para chegarem onde estão foi preciso muito treino e força de vontade.

241utd1

  1. Trabalho em equipe

Encare a necessidade de trabalhar em conjunto como a de um atleta paralímpico, que depende completamente de seus treinadores. Imagine ser limitado em sua visão ou faltar alguma parte importante no seu corpo, nesse caso seria impossível executar qualquer atividade sem acompanhamento, não é mesmo?

guilhermina_e_tecnico_guilherme

Na vida profissional é a mesma coisa, por mais que estejamos em perfeitas condições físicas, intelectuais e até de oportunidades favoráveis, nunca sairíamos do lugar sem contar com a ajuda das pessoas.

imagesSaiba a importância de uma equipe para crescer, aprender e aperfeiçoar. Acredite sempre no conjunto, sem ele podemos até ser brilhantes, mas nunca chegaríamos mais longe.

  1. Tenha percepção

A percepção se define pelo processo de organizar e interpretar informações recebidas e como as processamos, e isso certamente irá influenciar nos próximos passos. Vivemos tão na correria que constantemente deixamos de dar atenção para coisas fundamentais no nosso dia a dia.

Portanto, exercitar as percepções pode estimular nossos sentidos e ajudar a estruturar melhor as atividades e até melhorar o nosso desempenho.

Nossos sentidos sempre devem ser valorizados, ser coerente é ter bons parâmetros em suas relações profissionais. Aliás, percepção é a palavra chave para o nosso sucesso e pode influenciar muito nas nossas decisões, nos caminhos a seguir ou até mesmo para ditar o rumo de projeto inteiro.

  1. Compense seus defeitos

Ninguém é perfeito todos nos temos defeitos, e o primeiro passo para tentar vencê-los é saber identificá-los, em seguida peça ajuda aos seus superiores e colegas.

Talvez as pessoas com algum tipo de deficiência tenha mais facilidade de enxergar suas limitações, isso porque elas fazem parte da rotina deles e por isso buscam algumas técnicas e treinos para compensá-los. Logo, mirem-se nessas pessoas, descubra seus defeitos e busque compensa-los.

  1. Exercite a humildade

A humildade é sem dúvidas um exercício diário, quem concorda? Imagine um atleta paralímpico sendo arrogante? Todos os nossos sentimentos por ele e pelas suas façanhas se perderiam. Agora imagine um colega de trabalho, um chefe, ou um cliente sendo arrogante? Uma situação que não é agradável e muito menos fácil de lidar.

Comece então por você, faça a sua parte, seja humilde com o todos em suas relações pessoais e profissionais e não somente com o seu chefe, mas com a faxineira, o porteiro, o garçom e os companheiros de trabalho.

A vida é uma relação de troca e ser humilde pode ter um retorno muito direto na sua vida profissional.

  1. Tenha autocontrole

Imagine quantas vezes um atleta paralímpico pensou em desistir da sua carreira? Se você é daqueles que gosta de ficar quieto e deixar como está, porque está confortável, ou para não se indispor com ninguém, pense um pouco melhor e mude o seu comportamento.

As situações de conforto são efêmeras, tudo se transforma muito rapidamente, é melhor estar preparado.

Se a condição de conforto e rotina te agrada, comece a se movimentar. Atualmente não é simples e nem correto ficar estagnado no lugar comum, uma hora você será testado ou terá que mudar e para isso é preciso exercer o autocontrole.

Todos nós passamos por situações de stress no trabalho e para os que têm um domínio maior sobre as suas reações, com certeza terão vantagens em momentos de decisões difíceis, podendo passar pela situação de forma mais equilibrada.

  1. Não desanime diante dos obstáculos

E por fim, talvez os obstáculos sejam a parte na qual mais devemos nos espelhar dos atletas paralímpicos. Diante dos obstáculos procure se motivar e se superar, acredite que eles existem para que vitórias sejam mais consistentes e gratificantes.

Quais são os seus obstáculos diários? Já parou para descrevê-los e pensar em como supera-los? Um bom exercício para isso é saber quais são eles.

Após identificá-los é preciso planejar a forma de vencê-los. Agora imagine os obstáculos de pessoas com limitações físicas, visuais e ou mentais? Essas pessoas tem que superar obstáculos todos os dias e ainda assim encontram motivos para continuar em frente.

classificac3a7c3b5es2

Portanto, pare de reclamar e siga com a confiança e determinação de um atleta paralímpico! Você irá perceber que sempre há um jeito de vencer os obstáculos, principalmente para quem tem a saúde perfeita.

A Opend deseja que a Paralimpíada inspire a sua vida profissional e que o maior legado desses superatletas seja de transformar a sua motivação.

opend [ estratégia e design ] sob medida para você!

Autor: opend [ estratégia e design ] sob medida para você!

opend é uma agência que faz branding [estratégia e design] sob medida para você! Sim, somos pequenos, e, sim, entregamos como os grandes. Para nós, empresas são indivíduos, nosso trato é humano e nosso atendimento é um relacionamento.